De acordo com o Executivo Federal, a CPI é o caminho para que seja colocado um ponto final. — Foto: Reprodução

O presidente Jair Bolsonaro afirmou em entrevista ao jornalista da 96 FM, Bruno Giovanni, nesta sexta-feira (17), que pretende pedir uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar os aumentos recentes de preços da Petrobras.

De acordo com o Executivo Federal, a CPI é o caminho para que seja colocado um ponto final no crescimento recorrente dos valores praticados na política de preços da empresa.

“Queremos uma CPI investigando presidentes, diretores e membros do conselho para chegarmos a uma conclusão sobre esse crescimento nos valores da estatal”, contou.

A declaração aconteceu no mesmo dia em que a estatal anunciou um novo reajuste nos preços dos combustíveis. A partir de amanhã, a gasolina vai subir nas refinarias de R$ 3,86 para R$ 4,06 por litro, um aumento de 5,18%. Com o diesel, o preço por litro terá alta de R$ 4,91 para R$ 5,61, o que equivale a um reajuste 14,26%.

Pouco antes de Bolsonaro anunciar a CPI, o ministro André Mendonça, do Supremo Tribunal Federal (STF), deu cinco dias para que a Petrobras preste “minuciosas informações” a respeito dos critérios adotados para a política de preços estabelecida nos últimos 60 meses. 

Com informações do Portal 96 FM