O parlamentar afirmou que a população brasileira não suporta mais os reajustes sucessivos. — Foto: Eduardo Maia

Os sucessivos aumentos no preço do combustível foram destacados no pronunciamento do deputado Ubaldo Fernandes (PL) na sessão plenária desta quinta-feira (07) na Assembleia Legislativa. O parlamentar afirmou que a população brasileira não suporta mais os reajustes sucessivos.

“Precisamos dar um freio, tendo em vista que isso leva a aumentos em outros produtos. E vem aí a superinflação, que abala o bolso e a qualidade de vida do povo brasileiro”, afirmou. Ubaldo citou o projeto de lei que está tramitando na Câmara Federal, que muda a base do cálculo do ICMS sobre os combustíveis.

“Esse imposto será cobrado a partir da variação do preço nos anos anteriores e cada estado aplicaria a sua alíquota. A proposta vai alterar a Lei Kandir e não vai mexer na autonomia dos Estados. Daqui, fica nossa torcida. Uma coisa leva a outra, quando aumenta a gasolina, aumenta tudo”, questionou Ubaldo.