Veículo não teria obedecido à sinalização de 'pare e siga' na rodovia e atingido o operário. — Foto: Reprodução

Um homem de 37 anos morreu atropelado enquanto trabalhava na obra de recuperação da BR-405, entre Mossoró e Apodi, na região Oeste do Rio Grande do Norte. Raniere Bruno de Melo Oliveira estava exercendo a função de ajudante no sistema de “pare e siga”, quando um veículo teria desobedecido a sinalização e atingido o operário, que faleceu ainda no local.

Segundo informações de testemunhas, o veículo era uma van com placas da cidade de Portalegre e o condutor teria fugido sem prestar socorro. A Construtora Luiz Costa, responsável pela obra, lamentou o ocorrido e se solidarizou com os familiares do operário. As informações são da Inter TV Costa Branca e G1 RN.