Polícia afirma que seu agente tinha surtos psicóticos, mas mesmo assim não foi afastado — Foto: Reprodução

Por IG – Último Segundo — Um policial militar (PM) de Goiás foi preso na última terça-feira por agredir e matar um mototaxista por causa de ciúmes do trabalhador. A Polícia afirma que o seu agente tinha surtos psicóticos, mas mesmo assim não foi afastado.

O PM estava de folga, quando viu a sua esposa retornar de uma consulta médica na garupa do motoqueiro o homem teve um surto de raiva e partiu para cima do mototaxista.

Agentes da Polícia Militar foram enviados ao local para conter o colega que estava prestes a atirar na vítima, mas em um momento de desatenção dos policiais acionados o homem se esquivou e correu até a esquina onde realizou três disparos contra o motoqueiro.

Ambulâncias foram chamadas, mas o mototaxista não resistiu aos ferimentos e morreu no local. O PM foi preso em flagrante. O crime aconteceu na cidade de Rialma, em Goiás.