'E os 100 mil que morreram? Se realmente funcionasse não seríamos o 3° país com o maior número de mortos no mundo', disparou Rafael Colombo — Foto: Reprodução TV

Por O Dia — Rafael Colombo, apresentador do programa “Novo Dia”, da CNN Brasil, perdeu a paciência com Alexandra Garcia durante a participação do jornalista no quadro “Liberdade de Opinião”, na manhã desta sexta-feira (7). Colombo questionou o comentarista após ele voltar a defender o uso de hidroxicloroquina no combate ao coronavírus, mesmo medicamento adotado pelo presidente Jair Bolsonaro.

“E os 100 mil que morreram? Se realmente funcionasse não seríamos o 3° país com o maior número de mortos no mundo”, disparou o âncora.

“Se a cloroquina funciona, é barata, e serviu como você falou na Amazônia para lúpus, malária e outros tipos de doença, por que o mundo teria deixando tanta gente morrer se tem um remédio barato à disposição? A troco de que tanta morrer se tem um remédio barato à disposição? A troco de que tanta gente morreria se a cloroquina funciona?”, questionou Colombo.

Em tom de ironia, Alexandre Garcia respondeu: “Se não funcionar, ela não existe, pois está funcionando”. Ainda irritado, Colombo voltou a rebater: “Ninguém provou que ela está funcionando, né, Alexandre?”. “As pessoas que sobreviveram são a prova. É assim que começa a ciência, a experiência”, completou o ex-global.