Uma colombiana de 65 anos deixou o hospital expressando gratidão a Deus, após 12 dias na UTI. — Foto: Reprodução

Em meio a aplausos da equipe médica da Clínica da Mulher em Santa Marta, na Colômbia, uma das pacientes admitidas com coronavírus recebeu alta. Ela tem 65 anos e é filha de um homem de 88 anos que morreu do vírus em 23 de março. A mulher ficou 12 dias internada na UTI.

Com uma Bíblia na mão direita, a mulher na cadeira de rodas fez um sinal de gratidão e reverência a Deus. Ela percorreu os corredores da clínica enquanto os médicos e enfermeiros a aplaudiam. A paciente expressou repetidamente: “Obrigado, Senhor, muito obrigado, quão misericordioso Tu és comigo”.

Ela também cumprimentou a equipe que a atendeu, a quem expressou sua admiração e respeito pela sensibilidade, humanismo e profissionalismo.

Em um twitter, o governador de Magdalena, Carlos Caicedo, escreveu: “Boas notícias! Quero informar que hoje a mulher de 65 anos que testou positivo para o coronavírus retorna à sua casa, totalmente recuperada da sua saúde”.

“É um triunfo da equipe médica que a atendeu por 12 dias na UTI, e também de sua vitalidade e desejo de viver”, acrescentou.

https://www.instagram.com/p/B-ur_6ZDf4W/

COM INFORMAÇÕES DO EL HERALDO