Cícero Alves de Lima, de 70 anos, foi morto durante assalto na Zona Norte de Natal — Foto: Cedida

Por G1 RN — O corpo do comerciante Cícero Alves de Lima, de 70 anos, morto durante um assalto na Zona Norte de Natal, foi velado nesta quarta-feira (12). Emocionado, o filho do idoso, Janilson Lima, disse que o pai era seu “porto seguro”.

“Perco um anjo na minha vida, um porto seguro. Ele era tudo pra mim”, afirmou Janilson, durante entrevista. Cícero de Lima foi morto com um tiro nas costas, na noite desta terça-feira (11), no bairro Nossa Senhora da Apresentação, Zona Norte de Natal. Segundo a Polícia Civil, a vítima teria tentado reagir a um assalto.

O idoso cortava cocos, por volta das 19h, quando foi surpreendido por um criminoso que chegou em uma bicicleta e anunciou o assalto. Cícero tentou sair do local após a abordagem, mas o ladrão atirou e o acertou nas costas.

Segundo testemunhas, após atirar na vítima, o bandido saiu tranquilamente pela rua. Cícero Alves de Lima ainda chegou a ser socorrido ao Hospital Santa Catarina, porém não resistiu e morreu.

Ainda de acordo com a população local, não é a primeira vez que o criminoso age no bairro, sempre sozinho, de bicicleta.