Apesar da pequena tribulação que a cantora relembrou sobre a fama do pai, ela reconhece que todo o esforço de Zezé rendeu muitas coisas boas à família — Foto: Reprodução

Por IG — Wanessa Camrago disse durante uma entrevista que quando seu pai Zezé Di Camargo estourou no sertanejo não foram só mil maravilhas, a cantora também passou por alguns traumas que marcaram sua infância.

“O que mudou foi o material, a gente não se tornou mais feliz por conta disso […] Foi um baita de um trauminha, mas o que me ajudou foi a minha família e meu pai”, revelou Wanessa Camargo à revista Quem.

Apesar da pequena tribulação que a cantora relembrou sobre a fama do pai, ela reconhece que todo o esforço de Zezé rendeu muitas coisas boas à família.

“Quando eu falo que amo fazer compras de casa – e sim, sou que vou ao mercado -, é porque eu lembro de cada vez que a geladeira enchia. A gente não passava fome, mas tinha limitações. Quando meu pai e minha mãe conseguiam encher a geladeira era uma festa em casa. Me dava uma sensação de segurança ver a geladeira cheia. Por isso que gosto de fazer compras de mercado, porque aprendi que não é fácil ter a geladeira cheia”, lembrou a artista.

A filha de Zilu Godoi aproveitou para falar que ela lembra muito das dificuldades que enfretaram na infãncia na hora de educar seus filhos, sempre com os pés no chão.

“É importante não dar demais para eles mesmo a gente tendo condição. É importante eles não terem sempre o que querem para dar valor e não verem aquilo como sempre disponível até porque pode ser que não seja mesmo”, finalizou Wanessa Camargo.