Insatisfação é tão grande que rubro-negros picharam muros do Ninho do Urubu e da Gávea — Foto: Reprodução/Redes Sociais

Coluna do FLA — A temporada se encaminha para um momento importante, com as três principais competições – Libertadores, Brasileirão e Copa do Brasil – sendo disputadas simultaneamente. (Ver todas as fotos abaixo)

No entanto, o rendimento do Flamengo passa longe do que boa parte da torcida esperava, considerando que a equipe tem um dos maiores investimentos do país no futebol.

A insatisfação é tão grande que, na madrugada desta segunda-feira (20), rubro-negros picharam muros do Ninho do Urubu (centro de treinamento) e da Gávea (sede do clube).

O técnico Abel Braga foi o principal alvo de críticas. A frase “Fora Abel”, que tem sido repetida massivamente em redes sociais, parou nos muros.

Bap, vice de relações externas, que tem sido figura fundamental para a manutenção do treinador, também foi lembrado nos protestos. Em outra pichação, torcedores ironizaram o título da Flórida Cup, com a frase “Copa Mickey é o c***lho”.

Isso porque, até mesmo em nota oficial, o Rubro-Negro chegou a citar a conquista do torneio amistoso como um grande feito.

Insatisfação é tão grande que rubro-negros picharam muros do Ninho do Urubu e da Gávea — Foto: Reprodução/Redes Sociais
Insatisfação é tão grande que rubro-negros picharam muros do Ninho do Urubu e da Gávea — Foto: Reprodução/Redes Sociais
Insatisfação é tão grande que rubro-negros picharam muros do Ninho do Urubu e da Gávea — Foto: Reprodução/Redes Sociais
Insatisfação é tão grande que rubro-negros picharam muros do Ninho do Urubu e da Gávea — Foto: Reprodução/Redes Sociais