As intervenções vão diminuir peso e pressão no reservatório sem fazer com que ele perca capacidade de acumulação — Foto: Divulgação

Na reunião pública que aconteceu nesta sexta-feira, dia 10, no Centro Pastoral Dom Wagner, em Caicó, promovida pelo CBH PPA, ficou definido que a principal intervenção a ser realizada na Barragem Passagem das Traíras será a abertura de uma fenda na ombreira direita com dois objetivos principais: evitar o acúmulo de água e permitir uma análise maior sobre o estado da fundação do reservatório.

A abertura da fenda já é o início da recuperação, mas a empresa Acqualtool ainda vai entregar à Secretaria Estadual do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos (SEMARH) o projeto da recuperação total do reservatório, que prevê ações como envelopamento dos taludes e um rebaixamento de 1 m do vertedouro.

De acordo com Pedro Molinas, engenheiro da empresa responsável pelos estudos, essas intervenções vão diminuir peso e pressão no reservatório sem fazer com que ele perca capacidade de acumulação.

“O Governo do Estado está de parabéns por trazer respostas tão rápidas à população da região. Em menos de 1 mês de gestão já contratou esses estudos e em menos de 3 meses já tem propostas claras que visam a recuperação do açude”, ressaltou Polion Maia prefeito de São Fernando.

A Barragem Passagem das Traíras vai ficar praticamente seca depois da abertura da fenda, mas o titular da SEMARH João Maria Cavalcanti explica que não haverá prejuízos para a população de Jardim do Seridó, pois a Companhia de Águas e Esgotos do RN (CAERN) vai abastecer a cidade de através de captação na barragem de Boqueirão de Parelhas.