Deputado federal Eduardo Bolsonaro — Foto: Reuters

O deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) afirmou nesta sexta-feira, 10, em seu Twitter, mais uma série de declarações polêmicas, atacando a grande imprensa nacional.

Em uma delas, o filho do presidente da República disse que “a lista do Estadão e o GPS da Folha são tão e só simplesmente para matar a curiosidade popular”. “A imprensa nos ama e de maneira nenhuma nos tem como alvos a ser abatidos, talkei. Perfis das redes terem + sucesso do q alguns jornais não causa incômodo e nem os ameaça, talkei”.

Em outra crítica à imprensa, ele afirma: “se fosse papel da polícia dar proteção individual para cada cidadão então não teríamos polícia e sim um guarda-costas para cada pessoa”.

Como se não bastasse tanto besteirol, o jovem deputado resolveu discutir com o internauta Maurício Ricardo, que deu uma alfinetada: “É claro que vocês têm fixação por gays e ânus. Se não tivessem, não divulgariam. Como diria a Bettina, simples assim. Tantos grandes problemas nacionais e você preocupado com ânus do rapaz?”.

Em resposta, Eduardo Bolsonaro disparou: “Como diz você, tanto problema no país e você vem no meu perfil falar de cu. Larga de ser fresco e vá cuidar do seu (cú)”.