Radialista F. Gomes foi morto em 2010, em Caicó — Foto: Sidney Silva/Cedida

Os acusados de planejar a morte do radialista Francisco Gomes de Medeiros, o “F. Gomes”, assassinado a tiros em 18 de outubro de 2010 na cidade de Caicó, região Seridó potiguar, serão julgados. Será nesta segunda-feira, dia 15 de abril, em Natal.

O comerciante Lailson Lopes, mais conhecido como “Gordo Rodoviária” sentará no banco de réus. Além dele, no mesmo dia, vai a júri o ex-pastor evangélico Gilson Neudo Soares do Amaral.

O júri foi remarcado pela juíza Eliana Alves Marinho. O julgamento está marcado para começar às 8 horas no Tribunal do Júri do Fórum Desembargador Miguel Seabra Fagundes, no bairro de Lagoa Nova, Zona Sul de Natal.

A Rádio Cabugi do Seridó, sediada em Jardim do Seridó, transmitirá ao vivo direto da capital do Estado, esse júri tão aguardado pela população.

Comerciante Lailson Lopes, mais conhecido como “Gordo Rodoviária” sentará no banco de réus— Foto: Michelle Rincon / Inter TV Cabugi