Um vereador é suspeito de liderar esquema de desvio e lavagem de dinheiro público — Foto: MPRN

O Ministério Público do Rio Grande do Norte deflagrou nesta quinta-feira, dia 6 de dezembro, uma operação denominada ‘Marca-passo’.

O objetivo é combater um esquema de desvio e lavagem de dinheiro público na Câmara Municipal de Santana do Matos, distante cerca de 200 quilômetros de Natal. Um vereador foi afastado do cargo.

Ao todo, 15 mandados de busca e apreensão estão sendo cumpridos no município. Para o MPRN, há evidências do cometimento de crimes de organização criminosa, corrupção ativa, corrupção passiva, falsidade ideológica e lavagem de dinheiro por parte do vereador, empresas e empresários envolvidos.

O vereador afastado está proibido de acessar ou frequentar a Câmara de Santana do Matos, a Prefeitura ou qualquer outra repartição pública.