Diego começou sua transição para os gramados (Foto: Flamengo/Assessoria)

Os torcedores do Flamengo receberam duas grandes notícias nesta segunda-feira. Prestes a completar seis semanas fora dos gramados após a lesão sofrida no confronto contra o Atlético-PR pela Libertadores, Diego começou sua transição para os gramados. A outra novidade positiva envolve Dario Conca, que encerrou sua preparação física e está pronto para estrear com a camisa rubro-negra.

Enquanto os titulares contra o Atlético-GO trabalharam na academia e o restante do grupo enfrentava os jovens das categorias de base do Flamengo, Diego deu algumas voltas no gramado e posteriormente realizou uma atividade básica com bola.

“O atleta Diego, conforme previsto por nós, começa hoje o trabalho de transição no campo. Ele se encontra sem for, assintomático e vai iniciar essa fase para que possa estar o mais breve possível treinando com o grupo”, disse o chefe do departamento médico rubro-negro Marcio Tannure.

Já Dario Conca, grande reforço do Flamengo para a atual temporada, está cada vez mais próximo de, enfim, fazer sua estreia pelo clube. Apesar de ter chegado à Gávea em janeiro, o argentino até então havia se limitado à sua recuperação da lesão no joelho esquerdo. Vindo de empréstimo do Shanghai SPG, o meia aguarda agora uma oportunidade do técnico Zé Ricardo.

“O Conca, como vocês já devem ter visto há algum tempo, não está mais no departamento médico. Ele já treina normalmente com o grupo, estando liberado assim que a comissão técnica achar necessário”, completou o Dr. Marcio Tannure.

Se Diego e Conca são os responsáveis pelas boas notícias rubro-negras desta segunda-feira, as informações envolvendo Donatti são completamente diferentes. O zagueiro argentino se machucou, assim como Diego, na primeira partida contra o Atlético-PR na Libertadores e sua panturrilha ainda inspira cuidados. Ele segue na fisioterapia e ainda não há uma previsão de retorno.