Cruzeiro e Corinthians ficaram no empate no Estádio do Mineirão (Foto: Washington Alves/Divulgação)
O Corinthians viu sua vantagem na primeira colocação do Campeonato Brasileiro diminuir na 26ª rodada. Na tarde deste domingo, no primeiro jogo do Cruzeiro após o título da Copa do Brasil, os dois clubes empataram por 1 a 1, no Estádio do Mineirão.
A 12 rodadas do fim do torneio nacional, o Corinthians contabiliza 55 pontos ganhos, oito a mais que o Santos, algoz do Palmeiras no sábado. O Cruzeiro, já classificado à Copa Libertadores, fica com 41 pontos, na quinta colocação do Campeonato Brasileiro.
Pela 27ª rodada, às 21 horas (de Brasília) do próximo dia 11 de outubro, o Corinthians encara o Coritiba, na arena de Itaquera. Às 21h45 do mesmo dia, em Porto Alegre, o Cruzeiro pega o Grêmio. Os duelos serão disputados após os compromissos da Seleção pelas Eliminatórias Sul-Americanas.

O Jogo – O Cruzeiro mandou no jogo durante o primeiro tempo e inaugurou o marcador aos 19 minutos. Alisson recebeu de Thiago Neves pela esquerda e acionou Diogo Barbosa. O lateral cruzou com precisão e o pequenino Rafinha cabeceou firme para abrir o placar.

A despeito do clima de festa pela recente conquista da Copa do Brasil, o Cruzeiro manteve a seriedade dentro de campo e não correu riscos durante o primeiro tempo. Nas poucas vezes em que foi exigido, o experiente goleiro Fábio defendeu com segurança.

Nos últimos minutos da etapa inicial, o centroavante Kazim recebeu de Jadson e completou para o fundo as redes, mas a arbitragem assinalou impedimento corretamente. Em jejum desde fevereiro, o corintiano contestou a marcação do assistente.

Em busca do empate, o técnico Fabio Carille voltou para o segundo tempo com Marquinhos Gabriel no lugar de Jadson e viu sua equipe melhorar. Balbuena chegou a cabecear para o gol após cobrança de falta de Maycon, mas a arbitragem, equivocadamente, marcou novo impedimento.

O Corinthians, mais desenvolto no campo de ataque, voltou a levar perigo em chute da entrada da área. Em uma jogada de pivô, Kazim recebeu de Rodriguinho e ajeitou para o companheiro completar. De mão trocada, o cruzeirense Fábio conseguiu espalmar.

O time visitante finalmente chegou ao empate seis minutos antes do final do tempo regulamentar. Após cruzamento de Clayson, Kazim cabeceou e a bola tocou no braço de Murilo dentro da área. O árbitro Rodolpho Toski Marques marcou pênalti, convertido pelo mesmo Clayson.