Marcos (sem camisa) e Gabriel, já estão presos (Foto: Reprodução)

A Polícia Militar prendeu um jovem de 22 anos suspeito de ter atirado e matado o menino Júnior César Vale da Costa, de 10 anos de idade. O garoto foi assassinado na manhã do domingo (17), e as prisões aconteceram nesta segunda-feira (18), em Jardim de Piranhas, mesmo município em que aconteceu o crime, na região Seridó potiguar.

O primeiro a ser preso foi identificado como Marcos. Ele estava na casa do pai em Jardim e foi detido por volta das 17hs desta segunda-feira (18). Imediatamente foi encaminhado para a Delegacia. Por volta das 22hs, ainda desta segunda, os policiais prenderam na casa de um tio, o segundo suspeito, identificado como Gabriel, também conhecido por Toru.

De acordo com a Polícia Militar, o garoto viajava em um carro conduzido pelo primo, com destino à Paraíba. Quando já estavam na RN 288, eles foram abordados a tiros por pessoas que estavam em outro veículo.

O motorista sofreu disparo no braço, perdeu o controle do veículo e capotou. Ele foi socorrido ao hospital da cidade e, após atendimento, foi liberado.

Em um terceiro veículo, viajava o pai da criança que trabalha com venda de automóveis e entregaria um carro no estado da Paraíba.

Após a ação, os criminosos fugiram. Júnior César foi atingido na cabeça e morreu na hora.