Polícia prende suspeito de matar jovem a tiros em praça de Mamanguape, na Paraíba

Jovem é morta durante cobrança de dívidas em Mamanguape, Paraíba — Foto: Reprodução/TV Cabo Branco
Jovem é morta durante cobrança de dívidas em Mamanguape, Paraíba — Foto: Reprodução/TV Cabo Branco

Por g1 PB — O suspeito de ter matado a jovem Thayná Silva de Lima, 24 anos, em uma praça no município de Mamanguape, Litoral Norte da Paraíba, foi preso nesta quinta-feira (11) pela Polícia Civil da Paraíba. A ação foi feita em conjunto com as polícias de Pernambuco e o homem, integrante de uma facção criminosa, foi preso em Caruaru.

O crime aconteceu em fevereiro deste ano. Thayná estava na companhia de um homem de 26 anos – que seria o verdadeiro alvo do atirador. Os dois estavam conversando na Praça da Juventude, em Mamanguape, quando o suspeito se aproximou já atirando. Um dos tiros atingiu a jovem nas costas.

De acordo com a Polícia Civil, ela não tinha qualquer envolvimento com tráfico de drogas ou outras atividades ilícitas, e não era o alvo. O verdadeiro alvo seria o rapaz, que foi atingido três vezes na perna e braço.

Em depoimento, o sobrevivente disse que a motivação do crime seria uma “cobrança do tráfico de drogas”.