CCJ pode votar direito de empregado negar contribuição a sindicato

Por Agência Senado — A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) pode votar na próxima reunião projeto de lei (PL 2.830/2019) que assegura ao empregado o direito efetivo de recusar a cobrança de contribuição assistencial a sindicato. Relator, Rogério Marinho (PL-RN), explicou que oposição ao pagamento será simplificada, podendo ser feita até por e-mail ou WhatsApp.