Braskem: CPI deve pedir indenização a moradores de fora da área de risco

Por Agência Senado — Em diligência em Maceió, os integrantes da CPI da Braskem se disseram impressionados com as milhares de casas abandonadas após o afundamento de solo em decorrência da exploração de sal-gema. Nas reuniões com representantes da empresa Braskem e da Defesa Civil, os senadores pediram detalhes sobre o monitoramento das áreas desocupadas e daquelas que seguem monitoradas. Eles questionaram o Ministério Público Federal sobre os termos de todos os acordos, incluindo o das indenizações. O senador Rodrigo Cunha (Podemos- AL) defendeu uma revisão dos termos, citando fatos novos, como a admissão de responsabilidade pela Braskem. Já o relator, Rogério Carvalho (PT-SE), defende que os moradores dos bairros Flexais e Bom Parto sejam compensados.