Natal passa a aplicar vacina antirrábica em profissionais que trabalham com banho e tosa de cães e gatos

Vírus rábico inativado — Foto: Reprodução/TVCA
Vírus rábico inativado — Foto: Reprodução/TVCA

Por g1 RNNatal passou a aplicar, a partir desta quarta-feira (8), a vacina antirrábica em profissionais que trabalham com atividades de banho e tosa de cães e gatos, e também em auxiliares veterinários.

A inclusão desses grupos na vacinação acontece após uma norma técnica publicada pela Secretaria de Estado da Saúde Pública do RN (Sesap) para evitar a perda de doses da vacina antirrábica com validade até o mês de junho de 2024.

📳Participe do canal do g1 RN no WhatsApp

A escolha dos grupos acontece, segundo aSecretaria Municipal de Saúde de Natal (SMS), em função da exposição desses tipos de profissionais ao vírus da raiva.

Para se vacinar, os profissionais devem procurar uma das unidades básicas de saúde de Natal ou um dos pontos extras de vacinação com:

Outros profissionais – como veterinários, biólogos e trabalhadores de laboratórios de virologia e profissionais anatomopatologia para raiva, por exemplo – já estavam aptos a receber a vacina antirrábica.

💉 O esquema vacinal é composto por duas doses do imunizante, que devem ser administradas no intervalo de sete dias após a primeira dose.

📍 Os profissionais podem se vacinar:

A raiva é uma doença infecciosa viral aguda grave, que acomete mamíferos, inclusive o homem, e pode ser letal.

A principal via de transmissão da Raiva (Hidrofobia) é o contato com a saliva contaminada de um animal doente, mais comumente por meio de lesão da pele do indivíduo, uma vez que o vírus não penetra pela pele íntegra.

A vacina é uma medida de prevenção indicada para pessoas com risco de exposição permanente ao vírus da raiva.