No discurso do presidente, chamou a atenção a resposta endereçada ao petista. — Foto: Divulgação/PR

Um dia após Natal receber a visita do ex-presidente Lula da Silva (PT), foi a vez do presidente Jair Bolsonaro (PL) desembarcar na capital potiguar nesta sexta-feira (17).

Na agenda presidencial, uma série de entregas do Ministério das Comunicações, do INCRA e da Funasa. Mas, no discurso do presidente, chamou a atenção a resposta endereçada ao petista, que havia atacado o ex-ministro Rogério Marinho em seu discurso.

“Como sempre (Lula) mentiu para todo o Brasil. E ofendeu uma pessoa aqui do RN, nosso amigo Rogério Marinho, que trabalhou desde o primeiro momento para conseguir concluir a transposição. Só o que eles desviaram da Petrobras no passado daria para fazer 60 vezes a transposição do São Francisco. Mas hoje, a água é uma realidade para o sofrido povo do Nordeste”, disse Bolsonaro. Antes de concluir o discurso, o presidente fez questão ainda de se referir a Rogério Marinho como “meu querido baixinho”.

Na quinta-feira (16), Lula participou de um ato público na Arena das Dunas ao lado da governadora Fátima Bezerra (PT) e outras autoridades. No discurso, o petista disse que inaugurou a transposição e atacou Rogério Marinho, a quem chamou de “baixinho” e “desgraçado”.

> Ler notícias nas redes sociais: FacebookTwitterInstagram e YouTube.
Entre em contato pelo WhatsApp: (84) 99656-9335.