Neste mês de maio, o projeto teve como tema artes plásticas. — Foto: Fábio Cortez

O Memorial do Legislativo levou o Projeto “Memorial Itinerante” para o Instituto Federal do Rio Grande do Norte, Campus Natal/Centro, nesta sexta-feira (13). Neste mês de maio, o projeto teve como tema artes plásticas.

Entre as ações realizadas na ocasião, estiveram uma palestra ministrada pelo curador do Memorial, Plínio Sanderson; uma arte realizada ao vivo pelo artista plástico Francisco Eduardo; e a exposição “Infinita Estética Particular”.

A palestra intitulada “Dimensão Onírica da Matéria”, ministrada pelo curador do Memorial, Plínio Sanderson, teve como público-alvo os estudantes da disciplina de História da Arte e Linguagens Artísticas, do professor Juscelino Neco, do IFRN, e tratou da gênese da arte potiguar. “A palestra levou a questão filosófica da arte como forma de conhecimento e abordou desde pinturas rupestres até a arte contemporânea”, contou o curador da ALRN.

A exposição “Infinita Estética Particular”, com 36 obras de diferentes estilos e técnicas, faz parte do acervo particular de Plínio Sanderson e estará disponível no IFRN da Cidade Alta até próxima terça-feira (17). Nela, há obras de vários artistas, na maioria deles potiguares, mas também com artistas internacionais.

O artista plástico Francisco Eduardo, que é natural de Santa Cruz, e já realizou mais de 45 exposições ao longo da vida, no evento, dividiu o processo criativo com o público.

Neste mês de maio, o projeto teve como tema artes plásticas. — Foto: Fábio Cortez