Além dos novos leitos, o Governo do Estado reforça o rastreio permanentemente dos contágios por coronavírus — Foto: Elisa Elsie

O Governo do RN abre nesta terça-feira, 11, mais oito leitos da rede Covid no município de Currais Novos, por meio da Secretaria Estadual de Saúde (Sesap). Os novos leitos são necessários devido à persistência da alta incidência de contágio do novo coronavírus na região Seridó. São sete leitos clínicos e um de UTI.

A atualização foi feita pela subcoordenadora de vigilância epidemiológica da Sesap, Alessandra Lucchesi, em entrevista coletiva para prestação de contas das ações do Governo. “A pandemia não passou, o momento ainda é de preocupação e o Governo intensifica a fiscalização conjunta com os municípios, principalmente nos espaços de convivência social onde podem ocorrer aglomerações. As pessoas devem continuar respeitando o isolamento e o distanciamento social, usar máscara, lavar frequentemente as mãos com água e sabão ou álcool 70° e evitar aglomerações”.

Além dos novos leitos, o Governo do Estado reforça o rastreio permanentemente dos contágios por coronavírus. Este trabalho, de acordo com Alessandra Lucchesi, é feito pelas equipes de vigilância sanitária da Sesap junto às equipes da atenção primária em saúde dos municípios. “Estamos retornando a uma fase de preocupação e os municípios devem também intensificar sua atuação para identificar e isolar as pessoas que tiveram contato com os infectados. Assim, o sistema de saúde, como um todo, poderá dar resposta mais rápida ao enfrentamento ao vírus”, explicou, acrescentando: “A doença ainda vai existir por muito tempo. Por isso, além de monitorarmos as taxas de incidência, de mortalidade e transmissibilidade, a ocupação de leitos e a disponibilidade de insumos, vamos intensificar o rastreamento”.

DADOS

Nesta terça-feira, a taxa de ocupação de leitos é de 54,2%. Por região, a ocupação de leitos é maior no Oeste (68%), seguida do Seridó (66%), Pau dos Ferros (62%), Agreste (60%) e Metropolitana de Natal (48%). Há 392 pacientes internados em hospitais das redes pública, privada e filantrópica – 192 em leitos críticos e 200 em leitos clínicos. A fila de regulação tem 2 pacientes para leitos críticos, 2 para leitos clínicos e 11 aguardando transporte sanitário. Os dados são relativos ao levantamento feito às 11h.

Os casos confirmados somam 55.909, os suspeitos chegam a 18.657 (aguardam resultados de exame laboratorial), 91.871 foram descartados, as mortes somam 1.991 (8 nas últimas 24 horas) e há outras 198 em investigação. Óbitos que acontecem em domicílio também são investigados pela Sesap para Covid.