O entregador foi presenteado com uma moto nova pelo humorista Matheus Ceará, do SBT — Foto: Reprodução de Internet

Por Extra — O motoboy Matheus Pires Barbosa que foi humilhado por um homem num condomínio em Valinhos, São Paulo, tem recebido grande apoio nas redes sociais. Desde que o vídeo em que aparece sofrendo racismo viralizou nas redes, o entregador de 19 anos, já acumula mais de 1,4 milhão de pessoas no Instagram. Uma vaquinha online criada para ajudar o profissional autônomo também já conseguiu arrecadar mais de R$ 112 mil.

O entregador também foi presenteado pelo humorista Matheus Ceará, do SBT, que se comoveu com a história, e deu uma motocicleta nova para o rapaz.

“Essa ajuda vai me ajudar bastante. Minha moto estava ferrada no mecânico. E, como eu estou recebendo ajuda de todos os lugares, vou doar a minha para outra pessoa”, disse o rapaz nos stories do Matheus Ceará: “Tudo isso já mudou a minha vida. Mas a gente fica achando que as coisas acontecem longe da gente, mas o racismo e o preconceito está perto da gente. No meu caso se não tivesse ninguém gravando, talvez seria mais um caso que ninguém saberia de nada”.

O entregador foi presenteado com uma moto nova pelo humorista Matheus Ceará, do SBT — Foto: Reprodução de Internet

A vaquinha criada no site voaa.me bateu a primeira meta de doações, chegando a R$ 112 mil. Agora, a meta dos organizadores é que o valor chegue a R$ 150 mil, para que Matheus consiga comprar uma casa para ele e sua família. O link para as doações está AQUI.

O caso aconteceu no dia 31 de julho. Mas o vídeo com ofensas racistas ao entregador de aplicativo viralizou nas redes sociais nesta sexta-feira. Nas imagens, um homem branco, contabilista, de 31 anos, morador de um condomínio de casas no bairro Chácara Silvânia, chama o trabalhador de “lixo”, diz que ele é semi-analfabeto, não tem onde morar e pergunta várias vezes quanto ele ganha por mês. Além de afirmar que o rapaz tem inveja dele e de seus vizinhos por suas posses, ele diz “você tem inveja disso aqui”, apontando para a própria pele, de cor branca.

Luciano Huck, que conversou por videochamada com o rapaz. O apresentador contou a Matheus Pires, de 19 anos, que recebeu por WhatsApp as imagens, enviadas por duas pessoas que respeita muito, e perguntou a ele o que aconteceu.