Autoridades e empresários foram presos por compras suspeitas de respiradores e equipamentos fundamentais ao combate à Covid-19 — Foto: Reprodução

Por Fantástico — Milhões de reais que deveriam salvar vidas estão sendo investigados em todo o Brasil. Compras emergenciais abrem brechas para fraudes em cima da aquisição de respiradores e equipamentos de proteção, como as máscaras.

Esta semana, a polícia realizou operações para atacar o vírus da corrupção. Foram abertas investigações no Mato Grosso, Rio de Janeiro, Roraima, Pará, Santa Catarina e São Paulo. Autoridades e empresários foram presos.

No Rio de Janeiro, segundo o Ministério Público, só um dos contratos pode ter tido superfaturamento de pelo menos R$ 4,9 milhões. Confira a reportagem em vídeo clicando aqui.