Revista teve acesso à delação do ex-político para a Polícia Federal — Foto: Everton Dantas/Divulgação.

O site O Antagonista noticiou nesta segunda-feira, 2, que o ex-membro do Partido dos Trabalhadores Antônio Palocci citou a governadora Fátima Bezerra e a atual presidente do PT, Gleisi Hoffman, em delação premiada para a Polícia Federal.

No documento, ao qual a revista Crusoé teve acesso, a PF diz que Palocci admite ter sido o responsável pela distribuição de valores ilícitos pagos pela Camargo Corrêa ao PT.

Esses recursos, segundo o ex-ministro, teriam sido direcionados a vários candidatos do partido, entre os quais Gleisi e Fátima.