Chuvas são causadas pela ocorrência da Zona de Convergência Intertropical (ZCIT) — Foto: José Aldenir / Agora RN

O último fim de semana foi o mais chuvoso de 2019 e também com chuvas mais bem distribuídas, segundo a Empresa de Pesquisa Agropecuária do Rio Grande do Norte (EMPARN).

O monitoramento da EMPARN realizado entre a sexta-feira, 22, até esta segunda-feira, 25, mostra que choveu mais forte nas regiões Oeste e Central do Estado, mas também foram registradas chuvas nas regiões Agreste e Litoral Leste.

Na região Oeste choveu com mais intensidade em Martins, 172,5 milímetros, e João Dias onde choveu 120mm. Na região Central choveu 145mm em São João do Sabugi e 77mm em Florânia.

O volume mais mais intenso nas regiões Oeste e Central é uma característica do principal sistema que provoca chuva no semiárido nordestino nesta época do ano, a Zona de Convergência Intertropical (ZCIT).

Em Martins, que registrou 172,5 milímetros só neste fim de semana, a média para o mês de março inteiro é de 302 milímetros, com esse volume do fim de semana já choveu em março deste ano, 336 milímetros, ou seja, já choveu acima da média do município para o mês de março.

A previsão para o restante da semana é de mais chuva em todas as regiões potiguares. Mas deve chover com menos intensidade no litoral Leste e região Agreste. Já nas regiões Central e Oeste, a previsão é de chuvas mais intensas devido a atuação da Zona Convergência Intertropical (ZCIT).