O investimento foi de R$ 1,8 milhão com recursos próprios do tesouro estadual (Foto: Demis Roussos)

A região Seridó do Rio Grande do Norte acaba de ganhar importante reforço na luta pela vida de pacientes em estado crítico de saúde. O governador Robinson Faria inaugurou, neste sábado (30), os novos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) instalados no Hospital Regional Mariano Coelho, em Currais Novos.

Na ocasião, foram entregues dez novos leitos de UTI adulto, ampliando a capacidade da unidade hospitalar. O investimento foi de R$ 1,8 milhão com recursos próprios do tesouro estadual e se soma a outros dez leitos de UTI Neonatal que serão entregues no próximo mês de julho, tornando o hospital referência na atendimento materno-infantil.

O investimento foi de R$ 1,8 milhão com recursos próprios do tesouro estadual (Foto: Demis Roussos)
O investimento foi de R$ 1,8 milhão com recursos próprios do tesouro estadual (Foto: Demis Roussos)

“Entrava governo e saia governo sempre com a promessa de ampliação que nunca aconteceu. Achei que ia me aposentar e não ia ver esse sonho realizado. Hoje estou aqui, ainda sem acreditar, mas com o sentimento de gratidão ao governador por realizar esse sonho”, comemorou a técnica de enfermagem Lúcia Assunção, que trabalha na UTI do hospital há 30 anos.

Antes com um total de 84 leitos, entre cirurgia, clínica, obstetrícia e pediatria clínica, a unidade passará a contar com 100 leitos, garantindo um atendimento de qualidade à população da região. A unidade dá suporte a aproximadamente 60 municípios de todo o RN, sendo 25 somente da região do Seridó.

“Este investimento representa a possibilidade de conseguirmos salvar mais vidas. Isso me motiva como gestor, então hoje é mais um dia de realização, de mais um avanço no setor de Saúde do RN, em especial da região do Seridó”, disse o governador Robinson Faria.

Secretário de Estado da Saúde, Pedro Cavalcanti destaca que além dos novos leitos e equipamentos, serão convocados novos profissionais dentre os aprovados no processo seletivo e concurso público promovidos pela Sesap para compor o quadro do hospital.

“Após a homologação do concurso, vamos convocar os aprovados e relocá-los, priorizando os locais onde estão sendo entregues as novas UTIs, como é o caso de Currais Novos. Estamos trabalhando para que dentro de 30 dias esteja tudo funcionando em sua plenitude”, falou o titular da SESAP.

A previsão é que o concurso seja homologado no próximo dia 4 com a convocação de 404 aprovados, entre médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem e farmacêuticos.