Oito quilos de cocaína foram apreendidos durante ação da Polícia Civil na cidade de Mossoró (Foto: Polícia Civil/Divulgação)
A Polícia Civil apreendeu nesta quarta-feira (1) oito quilos de cocaína dentro de uma casa na cidade de Mossoró, na Região Oeste potiguar. Além da droga, os policiais encontraram documentos de carro e RG’s em branco, e cordões detonantes de dinamite. Uma mulher de 43 anos foi presa no local, mãe de um traficante que está preso no sistema prisional do Rio Grande do Norte.
A ação foi coordenada pelo delegado Renato Oliveira, da Divisão de Polícia do Oeste (DIVIPOE). Segundo ele, os entorpecentes pertencem ao traficante, e a mãe dele teria assumido o negócio desde que o filho foi detido.
Os documentos em branco, de acordo com o delegado, serviriam para falsificação. “Dois meses de investigação desenvolvida pelos policiais da DIVIPOE, cinco dias de campanas ininterruptas na última semana resultaram na apreensão”, acrescenta Renato Oliveira.
O delegado afirma quer as investigações continuam, para precisar a quantidade de integrantes dessa suposta quadrilha de traficantes. A mulher que estava na casa foi autuada por tráfico de drogas.

Nota

Os policiais da DIVIPOE enviaram uma nota em que denunciam suposta desestruturação da Divisão. Confira a íntegra na nota:

A Divisão de Polícia do Oeste, que vinha passando por um momento de restruturação, com uma nova equipe e que já vinha mostrando bons resultados, pode sofre um revés.

Os policiais que estão prestando serviço à DIVIPOE e aguardavam as suas portarias para nomeação e restruturação da Divisão estão sendo relocados para outras DP’s.

Os agentes estão sendo relocados para 2ª Delegacia de Polícia Civil e para a Delegacia de Plantão, e o trabalho que vem sendo feito pela nova equipe com relação ao combate a organizações criminosas em Mossoró e região pode vir a não ocorrer.