O crime aconteceu na manhã desta quinta-feira (6) dentro da Secretaria de Assistência Social de Japi - Reprodução

Do G1/RN – Após uma discussão, um homem atirou contra a própria mulher e depois se matou. O crime aconteceu na manhã desta quinta-feira, dia 6 de abril, dentro da Secretaria de Assistência Social de Japi, distante 130 quilômetros de Natal. Um garoto de 10 anos, filho do casal, estava no local e presenciou o crime, segundo a polícia. Um homem, que também é filho do casal, pegou a arma e fugiu. A Polícia Militar faz buscas para encontrá-lo.

Adriana Claudino dos Santos é servidora da Secretaria de Assistência Social, que funciona em uma casa. Ela estava chegando para trabalhar quando foi surpreendida pelo marido. De acordo com a Polícia Militar, Francisco das Chagas Medeiros abordou a mulher e o casal começou a discutir.

Ele efetuou pelo menos dois disparos contra ela. Em seguida, atirou na própria na cabeça. A PM também disse que a criança, filha do casal, ficou gritando por socorro. O menino foi retirado do local por vizinhos. A mulher foi socorrida para o Hospital Municipal Torquata Leopoldina. De lá, foi encaminhada para Natal. Ainda não há informação sobre o estado de saúde dela.

> Acompanhe as notícias do Blog A Fonte pelas redes sociais: Facebook,  TwitterInstagram e YouTube. Entre em contato pelo WhatsApp: (84) 99670-1507