Robinson assina termo para manter Hospital Regional em funcionamento (Foto: Demis Roussos)

O assentamento Primeiro de Maio, no município de Caraúbas, a 309 quilômetros de Natal, vai contar a partir de dezembro com uma escola moderna composta por oito salas de aula, biblioteca, sala multimídia, laboratórios de informática, matemática, química, física, biologia e línguas, além de uma quadra poliesportiva.

A ordem de serviço para construção da Escola Assentamento 1º de Maio foi assinada nesta segunda-feira, dia 5, pelo governador Robinson Faria. “Estamos atendendo uma antiga reivindicação dos moradores da comunidade. Vamos construir uma escola de qualidade, bem equipada, e que vai dar todas as condições para a nossa juventude estudar, adquirir conhecimentos, ter acesso a tecnologia, produzir e trabalhar com mais qualidade e obter mais é melhor renda com o seu trabalho”, afirmou o Governador.

A escola teve um investimento de R$ 4,6 milhões com recursos do Governo do Estado, através Projeto Governo Cidadão, por meio do Acordo de Empréstimo com o Banco Mundial. A previsão de entrega é dezembro deste ano. Serão atendidos 600 alunos nos turnos matutino e vespertino.

HOSPITAL: GOVERNO INVESTE R$ 600 MIL POR ANO

No mesmo evento o governador Robinson Faria assinou, ainda, um Termo de Municipalização do Hospital Regional Dr. Aguinaldo Pereira da Silva. O termo é uma cooperação técnica e financeira entre o Governo do Estado e Prefeitura para manter o hospital em funcionamento e melhorar a oferta de serviço de saúde para a região. “Esta é uma medida de grande importância para Caraúbas, por que vai assegurar e melhorar o funcionamento do Hospital, atendendo toda a população”, afirmou Robinson Faria.

Com esta iniciativa a Prefeitura de Caraúbas passa a administrar a unidade ficando responsável por sua manutenção e gerência. O Governo vai manter o apoio técnico e a participação financeira, com o pagamento dos servidores da unidade e um convênio que assegura o repasse de R$ 50 mil mensalmente (R$ 600 mil por ano) para arcar com os custos do hospital. O Governador ainda anunciou o repasse de R$ 1,2 milhão para a prefeitura de Caraúbas para contratação de médicos para completar as escalas.