As chuvas que caíram sobre Natal na manhã desta quinta-feira (1º) alagou ruas e deixou alguns pontos da cidade intransitáveis. É o caso da avenida Capitão-Mor Gouveia, na Zona Oeste, onde um carro ficou submerso pela água. O caso aconteceu por volta das 9h30.

Em uma hora, entre 9h e 10h, a Empresa de Pesquisa Agropecuária do RN (Emparn) registrou o acúmulo de 32,6 milímetros de água na cidade. Isso é quase a metade do que choveu ao longo de todo o mês de janeiro deste ano, quando foram registrados 76 milímetros.

Os alagamentos também foram registrado em outras áreas da capital. A avenida Hermes da Fonseca, na Zona Leste, apresenta vários pontos com água acumulada. Na rua Mipibu, em Petrópolis, os motoristas tiveram dificuldade de atravessar a lagoa que se formou na via. Alguns transitavam de forma mais lenta, para evitar buracos e entrada de água nos veículos.

Na rua Carnaúba dos Dantas, no bairro Lagoa Nova, os moradores ficaram ilhados conforme a o nível da água subiu.

A chuva também esfriou um protesto dos vigilantes, que estão em greve, marcado para ter início na reitoria da Universidade Federal do Rio Grande do Norte. Por volta das 9h10 o grupo que já estava no local aguardava o tempo melhorar.

De acordo com a Empresa de Pesquisa Agropecuária do RN (EMPARN), a cidade teve 260 milímetros de chuva no acumulado dos dois primeiros meses do ano.