Desembargador do Tribunal de Justiça do RN, Cláudio Santos (Divulgação)
O desembargador Cláudio Santos agraciado na noite desta quinta-feira, dia 11, com o Título de Cidadão Parelhense, concedeu antes de viajar a cidade vizinha, uma esclarecedora e importante entrevista ao Jornal da Cabugi que foi levada ao ar nesta sexta-feira, dia 12, pela Rádio Cabugi do Seridó na cidade de Jardim do Seridó.
Na oportunidade, o magistrado do Tribunal de Justiça do RN, falou sobre diversos assuntos pertinentes ao momento político e administrativo que passa o Estado, entre eles, a greve dos policiais, segurança pública e o pacote de ajuste fiscal do governo que está para ser aprovado pela Assembleia Legislativa.
Cláudio Santos disse sentir orgulho de ser considerado pelos servidores do Judiciário, um gestor rigoroso, pois em razão da sua austeridade financeira como presidente do TJ/RN, a folha de todos os funcionários e juízes foi paga durante os quase quatro últimos meses. “O que eu fiz foi dizer à população que a gente pode fazer um Poder Judiciário com menos dinheiro”, enfatizou.
Ainda na entrevista, o desembargador fez uma avaliação do Governo Robinson Faria, destacando que “sempre é tempo de buscar um caminho novo”. Cláudio Santos concluiu questionando a classe política potiguar, o porquê das águas do Rio São Francisco ainda não ter chegado ao Estado e disse que está confiante no ano bom de inverno.
Ouça abaixo a entrevista concedida ao repórter Jenully Cristiano da Rádio Cabugi do Seridó: